Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão
indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.

Registro de Câncer de Base Populacional

Os Registros de Câncer de Base Populacional coletam dados sobre câncer de uma população bem definida, possibilitando, desta forma, a obtenção do número de casos novos de câncer desta população, e consequentemente a sua incidência.

No Estado de São Paulo, o Registro de Câncer de Base Populacional está implantado no Município de São Paulo.

O Registro de Câncer de São Paulo foi implantado em 1º de janeiro de 1969, após realização de um inquérito piloto, de 1963 à 1965. Está integrado ao Departamento de Epidemiologia da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo.

Após um período de interrupção das atividades, o Registro foi reiniciado em 1997 com a coleta dos dados referentes a 1983, 1988 e 1993, com o patrocínio do Ministério da Saúde/INCA e da Secretaria de Estado da Saúde/Fundação Oncocentro de São Paulo e também a colaboração da Secretaria Municipal da Saúde/PRO-AIM e da Fundação SEADE. Dados podem ser obtidos no site www.fsp.usp.br/rcsp